USA Road Trip - day 4

Locais - MIT e Concord Consortium

Na manhã deste dia, havia várias hipóteses de visita, dependentes de confirmação: visita a uma escola (não foi possível, uma vez que era um feriado judeu e a escola fechou), TERC (David Carraher tinha chegado de Washington nesse dia, não foi possível) e MIT (Media Lab, DSpace). Tivemos então de optar por visitar o MIT e tentar contactar o máximo possível de pessoas. Não foi possível entrevistar ninguém, uma vez que sem marcações é quase impossível chegar e haver alguém disponível. David Cavallo e todo o grupo Future of Learning estão focados totalmente no OLPC e ou estão a viajar pelo mundo ou a trabalhar na fundação, o grupo deixou praticamente de existir. No entanto, no Media Lab, falámos com Jacqueline Karaaslanian que nos conseguiu um encontro para o dia seguinte com Claudia Urrea, que trabalhou com Papert num projecto de portáteis na Costa Rica. Infelizmente, Papert ainda está a recuperar muito lentamente do acidente na Tailândia em Dezembro passado, e ainda vai demorar a estar bem. Reunimo-nos no gabinete dele e foi engraçado e também triste estar num espaço em que trabalhou uma mente tão sofisticada, de quem aprendi tantas coisas importantes na minha formação como professor. As fotos dele estavam nas paredes, e as versões anteriores do OLPC estavam também pelo Media Lab.

Seguimos então para o Concord Consortium. Paul Horwitz era o nosso anfitrião, e arranjou-nos um encontro com Ken Bell, que nos esteve a explicar o projecto SAIL, que tenta integrar o software desenvolvido pelo Consortium (Molecular Workbench, Pedagogica) e outros (p.e. Net Logo) em temas curriculares, uma espécie de objectos de aprendizagem que envolvem actividades com modelos embedded, e cujos dados de utilização e respostas a questões são recolhidas para uma base de dados para futura análise, pelo professor e pelo Consortium. Uma das ideias é perceber o percurso realizado pelo aluno uma vez que todos os seus passos ficam registados.
As actividades foram desenvolvidas e testadas por alunos de doutoramento em educação em contexto de sala de aula, e existem em vários tópicos, desde a biologia à geologia, matemática, física e química. Robert Tinker apareceu na reunião e falei-lhe da nova versão do Modellus, que lhe suscitou bastante interesse, principalmente na medida em que poderia também ser utilizado para construir estes objectos de aprendizagem. Isso terá de ser o autor do Modellus a decidir.

Paul Horwitz teve também a falar-nos um pouco do Pedagogica e dos resultados recentes e preliminares de investigação do Concord. A quantidade de dados recolhidos tem sido bastante grande usando a framework do SAIL e de pré e pós-testes a alunos.
Depois de perdermos o comboio de volta a Boston, chegámos tarde depois de mais um dia longo. Amanhã há mais.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

The Demon Theory of Friction

A kilobyte rewritable atomic memory